DestaqueNegócios

Turismo na Bahia cresce 176% no segundo trimestre, aponta estudo

O turismo na Bahia cresceu 176,5% no segundo trimestre deste ano, o aumento representa quase o dobro do registrado no país, 89,8%. E a receita nominal de serviço, foi de 164,2%, no Estado e 87,7%, no Brasil. Os dados, divulgados na última quarta-feira (24), são dos órgãos oficiais em parceria com a Setur (Secretaria Estadual de Turismo), sistematizados pela SEI (Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia), vinculada à Seplan (Secretaria do Planejamento).

É muito bom ver a recuperação do turismo, segmento tão importante para a Bahia, que gera emprego e receita para o estado. Um crescimento expressivo, que reflete a retomada das atividades que estavam paralisadas por conta da pandemia da covid-19, mas que também é resultado dos esforços do governo para dinamizar o setor”, avalia o vice-governador e secretário do Planejamento, João Leão.

De acordo com as informações da Assessoria de Comunicação da Seplan, esse crescimento se deve, principalmente, ao aumento na receita das empresas que atuam nos ramos de transporte aéreo, restaurantes, hotéis, rodoviário coletivo de passageiros, locação de automóveis e serviços de bufê. Ainda segundo os dados, o fluxo de passageiros nos quatro principais aeroportos baianos avançou 729,1%, comparado ao mesmo período de 2020.

“Esses resultados são o reflexo do planejamento feito pela Setur-BA para a execução do plano de retomada Viva Turismo Bahia, com quatro eixos de atuação: biossegurança, promoção dos destinos baianos, infraestrutura e capacitação e qualificação de gestores públicos, empresários e profissionais do setor“, creditou o secretário estadual do Turismo, Maurício Bacelar.

Hospedagens

Setor de hotelaria de Salvador (Imagem ilustrativa)

Os levantamentos mostram também que a taxa média de ocupação dos setores de hospedagem em Salvador foi de 31,6%. No ano passado, não passou de (13,9%). Para a SEI, isso é fruto da melhora do desempenho da atividade hoteleira na capital baiana, em meio às medidas de flexibilização das atividades econômicas, o aumento da imunização das pessoas acima de 60 anos e adoção aos protocolos sanitários nesse período pandêmico.

Segundo os estudos, no ranking da categoria hoteleira, a Bahia é o quinto estado brasileiro na adesão do Selo Turismo Responsável. Até o primeiro semestre, mais de 29 mil Selos Turismo Responsável, Limpo e Seguro, já foram emitidos em todo o país.

Esse aval, informa os órgãos, tem sido conferido aos locais que estão cumprindo os protocolos de prevenção à covid-19, oferecendo mais segurança aos turistas e trabalhadores do setor. Com essa iniciativa desde o ano passado, o Brasil passou a figurar entre os 10 primeiros países do mundo a implementar protocolos sanitários para o turismo.

Deixe seu comentário... é importante para nós!

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: